Destino Manaus

Manaus é a capital do Estado do Amazonas e a 10º maior cidade brasileira. Ela também é a principal cidade da região norte do país e possui uma linda história, muitos passeios e muita cultura. A cidade ganhou peso no Ciclo da Borracha, que aconteceu durante o século 19. Investidores do mundo inteiro se voltaram para Manaus durante a exploração do látex, matéria prima da borracha. A cidade ficou tão enriquecida que chegou a ser conhecida como ‘Paris dos Trópicos’.

R

Hoje, Manaus é a porta de entrada para os turistas que querem conhecer a Amazônia. A cidade possui mais de 2 milhões de habitantes e merece ser visitada. Ao contrário do que muitos pensam, Manaus possui muita coisa para se fazer. Uma das principais atividades é conhecer o Mercado Municipal. Ele foi recém reformado e abriga muitos vendedores de artesanato, carne, peixes, plantas e ervas medicinais. Ao lado está o mercado Manaus Moderna, que todos os dias é abastecido com uma enorme e variada quantidade de peixes. Outro passeio imperdível é visitar o Teatro Amazonas. Essa casa de espetáculo foi construída para o entretenimento dos investidores que se mudavam para Manaus. O teatro possui lugar para 700 pessoas, três andares de camarotes e uma cúpula feita com escamas de cerâmica, que lembram a bandeira brasileira. Se você quer passear durante a noite, um bom lugar para caminhar é a orla da Ponta Negra, aonde está localizado o hotel Tropical, um dos mais tradicionais da cidade.

Manaus está praticamente ‘ilhada’ no meio da selva. As únicas estradas que chegam na cidade são a transamazônica, que possui as obras atrasadas a mais de 30 anos, e a BR-174, que liga a cidade a Boa Vista e a Venezuela. Fora isso, o único meio de se chegar na cidade é através de barco ou de avião. Isso torna Manaus uma metrópole no meio da maior selva tropical do mundo. O clima na região é quente o ano inteiro. As chuvas também estão presentes todos os dias. A única diferença entre inverno e verão é que, nos meses mais quente, se chove menos, enquanto no inverno as chuvas são mais frequentes.

manausDepois de passar alguns dias na capital do Estado, muitas pessoas costumar se hospedar em hotéis de selva, hospedagens que estão localizadas nas margens de rios no meio da mata. Um dos mais tradicionais hotéis de selva e que possuem ótimos serviços é o Eco Park. Ele está localizado nas margens de um igarapé do Rio Tarumã, um dos afluentes do Rio Negro. Saindo de Manaus, o viajante irá navegar por aproximadamente 40 minutos até o hotel, onde será recebido com um refrescante suco de cupuaçu.

Os hotéis de selva são uma ótima opção para quem quer viver experiências diferentes na Amazônia. Além de estar cercado por uma natureza 100% original, acordar com o som dos pássaros e se banhar nas águas do rio deixam qualquer pessoa apaixonada pelo lugar. Normalmente, os hotéis de selva são os responsáveis pelos passeios na floresta, porém, um dos atrativos que você não pode perder é a visita ao encontro das águas. Neste lugar, as águas do Rio Negro não se misturam com a do Rio Solimões por 11 km devido a diferença de temperatura, velocidade e acidez. É incrível ficar com o barco parado em cima deste encontro. De um lado o rio negro, e do outro com a cor marrom.

Nos hotéis de selva também é possível fazer uma pescaria diferente. Você já pensou em pescar piranhas? Isso mesmo. Aquele peixe carnívoro com os dentes afiados? Então, neste lugar você pode fazer isso. Usando como isca um pedaço de carne você consegue pescar e observar esse peixe mais de perto. Outro passeio legal é visitar a Casa do Caboclo. Caboclo é o nome dado as pessoas ribeirinhas que viviam as margens do rios vivendo com o que era possível caçar e cultivar. Hoje é possível visitar a propriedade dessas pessoas e conhecer como elas vivem e viverão durante tanto tempo.

Mas o melhor passeio é a trilha na mata. Com guias capacitados e treinados para sobreviver na selva Amazônica, caminhamos pelas árvores e a mata fechada conhecendo os segredos da floresta. A todo o momento, o guia para explicar alguma curiosidade do lugar. Seja uma árvore, uma planta, um animal ou até mesmo uma formiga. Tudo na Amazônia é diferente e receber informações preciosas sobre ela é fundamental para um bom aprendizado do lugar.